Vinil em alta definição está sendo desenvolvido e pode sair no próximo anoBuzz

Vinil em alta definição está sendo desenvolvido e pode sair no próximo ano

Indo contra a onda de evolução do mercado musical, a venda de vinis estão cada vez maiores. E foi pensando nisso que uma empresa austríaca chamada Rebeat Innovation poderá desenvolver vinil em alta definição, que podem estar no mercado em 2019.

Em 2016, um registro de patentes europeias descreveu uma nova maneira de fabricar registros, que os inventores alegaram ter maior fidelidade de áudio, volume mais alto e tempos de reprodução mais longos que os LPs convencionais.


Leia mais:


Vinil em alta definição trará uma reprodução de som mais fiel

Agora, a startup austríaca Rebeat Innovation recebeu US$ 4,8 milhões em financiamento para a iniciativa, disse o fundador e CEO Günter Loibl à Pitchfork. Graças ao investimento, os primeiros álbuns de “vinil HD” poderiam chegar às lojas já em 2019, disse Loibl.

O processo de vinil HD envolve converter o áudio digitalmente em um mapa topográfico 3D. Os lasers são então usados para inscrever o mapa no “marcador”, a parte que marca os sulcos no vinil.

De acordo com Loibl, esse método permite que os registros sejam feitos com mais precisão e com menos perda de informações de áudio. Os resultados, segundo ele, são discos de vinil que podem ter até 30% mais tempo de reprodução, 30% mais amplitude e, no geral, reprodução de som mais fiel.

A técnica também evitaria o uso de produtos químicos que estão ligados à fabricação tradicional de vinil. Além disso, a melhor parte de tudo isso é que os novos discos de vinil HD irão tocar normalmente em vitrolas convencionais usadas atualmente.

A grande pergunta é: qual será o valor desses vinis? Porque com uma produção mais complexa, com certeza o valor será ainda maior do que já é.

Posts Relacionados

Facebook Comments