Rio Festival Gay de Cinema destaca “Gazelle – The Love Issue”Cinema

Rio Festival Gay de Cinema destaca “Gazelle – The Love Issue”

gazelle - the love issue 4

O Rio de Janeiro vive desde o início do mês até o dia 12 a edição 2015 do Rio Festival Gay de Cinema. Serão mais de 120 produções de diversos locais do mundo, que transformam um dos maiores destinos gays do planeta na capital mundial do cinema de gênero e sexualidade. Um dos destaques deste ano é o documentário Gazelle – The Love Issue, que conta a história de um comissário brasileiro que conquistou boa parte do mundo através de seu alter-ego.

O filme ganhou diversas premiações em vários outros festivais, incluindo um Coelho de Olho como melhor filme no Festival Mix Brasil; além de ser uma das atrações de dois festivais europeus: o Madrid International Film Festival, ma Espanha; e o Manchester Film Festival, na Inglaterra.

“Gazelle – The Love Issue”

Dirigido por Cesar Terranova, o documentário aborda a rotina de Paulo, um brasileiro de 45 anos que roda o mundo como comissário de bordo. Paulo se tornou internacionalmente famoso no universo underground em todo o mundo através de Gazelle, seu alter-ego artístico.

Também pesou para seu reconhecimento a criação da Gazelland, uma publicação que engloba artistas, fotógrafos, performers e designers de uma parte da comunidade homo e transexual da vida noturna de Londres, São Paulo e Nova York.

gazelle - the love issue 3

Por muitos anos ele levou a alegria de Gazelle para muitos cantos do globo, mas sofreu um grande baque quando Eric, o seu parceiro de sete anos, faleceu. A morte do companheiro mudou o rumo da vida de Paulo, bem como sua visão de mundo.

A partir desta grande tristeza, o comissário focou suas forças em Gazelle, que o ajudou a se reerguer e enfrentar a dor da perda da melhor forma possível. A personagem foi seu ponto de fuga, fazendo com que ele finalmente expressasse com mais vivacidade seus sentimentos e seus sonhos.

gazelle - the love issue 2

O Festival

A quinta edição do Rio Festival Gay de Cinema conta com 124 obras (27 longas e 97 curtas) de mais de 30 países; e se divide entre panoramas e competições. Alexander Mello, diretor e curador do festival, destaca no site do evento a importância de despertar no cinema brasileiro o interesse em filmes que abordem o gênero e as diversas nuances da sexualidade, algo visto com mais frequência em outros países. Para ele:

O cinema nacional de gênero e sexualidade está se renovando e conquistando níveis inéditos. Diversos cineastas estão sendo premiados e seus filmes exibidos em grandes festivais internacionais de cinema. O brilho intenso dessas produções nacionais se reflete na curadoria desta edição do festival.

Rio Festival Gay de Cinema 2015 – Rio de Janeiro

  • Data: 02 a 12 de julho
  • Locais de exibições: Cine Odeon, Livraria Cultura, Cine Joia e Cine Arte UFF
  • + Infos: acesse o site do Rio FGC.

gazelle the love issue 1

Posts Relacionados

Facebook Comments