Garagem Brasil: Entrevista com Bianca MerhyMúsica

Garagem Brasil: Entrevista com Bianca Merhy

bianca-merhy-a-gambiarra

Bianca Merhy é uma jovem mocinha que mora no Rio de Janeiro e acabou de sair do colegial. Esse poderia ser o começo de uma narrativa qualquer, não fosse o que a tal da Bianca anda aprontando.

Para quem não viu nossa matéria na Garagem Brasil da semana passada, um resumo: com apenas um single lançado, intitulado ChainedBianca já acumula mais de 40 mil visualizações em seu vídeo no YouTube – recentemente recomendado pela famosa personagem do Facebook, Gina Indelicada, em sua página.

Em entrevista À Gambiarra, ela nos conta como tudo começou, alguns detalhes da sua vida e quais são os planos para os próximos meses, veja só (enquanto ouve a música do vídeo abaixo):

[youtube id=”w9HTvl1iGVI” width=”640″ height=”375″]

AG: Você tem (só) 18 anos, uma música gravada e já está chamando muita atenção. Como começou sua história com a música?
 
BM: Primeiramente, queria agradecer ao blog A Gambiarra e ao Pedro Kurtz por acreditarem no meu trabalho! É um imenso prazer fazer essa entrevista. Comecei a cantar desde os 6 anos de idade. Eu era fascinada por instrumentos, principalmente por guitarra e bateria. Enquanto meus amiguinhos assistiam a desenho animado, eu ficava vidrada em musicais ou na MTV. 
 
 
AG: Falamos em nossa matéria que havia rumores de que você teria sido criada também em língua inglesa, daí a ausência de sotaque quando canta. É isso mesmo?
 
BM: Entrei num colégio americano com 2 anos de idade e saí neste ano, com 18. Fui alfabetizada em inglês e, por isso, as composições fluem melhor assim. Passei praticamente minha vida toda lá. Quando eu era bem criancinha, entrava às 8 e saía às 18 horas. A escola foi por muito tempo a minha segunda casa!
 
 
AG: A composição das suas músicas é sempre inteiramente sua ou conta com produção artística de algum tipo? 
 
BM: Na maioria das vezes, escrevo com uma amiga minha, Marina Gonzales. Normalmente, ela compõe a harmonia e eu a melodia e a letra das músicas. Eu tive o prazer de trabalhar com o Pedro Guedes que produziu o meu primeiro single, Chained. Ele fez o arranjo da música lindamente.
 bianca-a-gambiarra
AG: Quando poderemos ouvir mais músicas suas? Há previsão para um EP/álbum?
 
BM: Ainda não há data para o lançamento do EP, mas estarei lançando novos materiais em breve! Mal posso esperar para subir no palco. 
 
 
AG: No contexto da música independente, muitas bandas enfrentam dilemas em certo ponto da carreira. Você pretende manter suas composições independentes ou abdicaria de algumas coisas para assinar contrato com uma gravadora?
 
BM: Não gosto que alterem minhas composições nem que me façam ser alguém que não sou e desde que respeitem isso, não me fecharia para contratos com gravadoras. 
 
 
AG: A última pergunta é sua: se pudesse escolher uma pergunta para responder, para que você pudesse dizer exatamente aquilo que gostaria, que pergunta seria ela e qual seria a sua resposta?
 
BM: “Qual é o seu maior objetivo quando escreve?”— Tocar as pessoas e fazê-las pararem para pensar e ouvir quem elas são.

Posts Relacionados

Facebook Comments