Trailer de ‘Dear White People’ mostra que a série vai cutucar muitos privilégios de forma hiláriaSéries & TV

Trailer de ‘Dear White People’ mostra que a série vai cutucar muitos privilégios de forma hilária

A Netflix tem um histórico de boas produções e de muita repercussão. A última polêmica envolveu Os 13 Porquês, série que debate a cultura do estupro e o suicídio, e que foi analisada tanto por psicólogos, como críticos. Ela também fez aumentar o número de pedidos de ajuda para centros de valorização da vida e colocou o assunto na mesa dos assinantes do serviço de streaming. Agora, a próxima produção da Netflix que com certeza vai dar o que falar é Dear White People.

No Brasil, a série de comédia vai se chamar Cara gente branca. Só com o título é possível compreender a que se destina a produção: cutucar e escancarar, de forma hilária, os privilégios raciais existentes na sociedade. Desde que o teaser do programa foi lançado, a repercussão foi tremenda e muita polêmica foi envolvida. O vídeo viralizou e tornou-se o mais visto do canal da Netflix no Youtube.

O teaser ainda escancara o quão velados ainda estão os preconceitos sociais. 419 mil “dislikes” mostram como a classe média branca ainda não se tocou do seu papel na reiteração da desigualdade socioeconômica no mundo. Não só isso, os comentários no vídeo nem precisam de interpretação para entender o pensamento racista de alguns assinantes.

Agora, mais um vídeo irônico foi lançado. O trailer final da série começa com a chamada vinda de uma crítica da Variety:

Aviso: este programa é destinado a espectadores brancos e negros e qualquer outra cor imaginável


Leia mais:


Os debates em torno de ‘Dear White People’ e o ativismo da Netflix

Justin Simien, criador da série, declarou depois de receber a notícia de que várias pessoas — provavelmente brancas — cancelaram a assinatura do serviço de streaming por causa do teaser:

A igualdade parece opressão aos privilegiados e, portanto, três palavras benignas devem enviá-los em uma luta por sua própria existência, mas eles não estão em perigo real. Qual é meu papel como artista? Criar Histórias. Histórias nos ensinam empatia. Elas nos colocam no lugar de outras pessoas. Todo o nosso conceito de realidade é baseado em histórias. Então conte sua história. Saia do armário. Escreva sua tese. Faça seu filme. Mas faça isso honestamente. Diga a verdade inconveniente. É a única coisa que nos salvou.

O polêmico vídeo é este aqui debaixo:

De uma coisa temos certeza. É um produção muito consciente e crítica sobre o status quo atual. E o melhor, com muita comédia. A Netflix não brinca em serviço e nem queremos que o faça. Desde Orange is The New Black (série cujas protagonistas são lésbicas), o serviço vem defendendo a diversidade e combatendo preconceitos. Podemos citar mais algumas produções que também levantam uma bandeira, seja ela social, comportamental ou política. Sense8, The Get Down, House of Cards e Black Mirror, além de Os 13 Porquês, também nos fazem abrir os olhos para questões latentes e preocupantes atualmente.

Ponto para a Netlflix. Dear White People — ou Cara gente branca — estreia mundialmente no dia 28 de abril.

 

 

Posts Relacionados